O canteiro de obras nem sempre foi um local em que a tecnologia esteve presente. Muito pelo contrário: processos não automatizados e o uso excessivo de papel fazem parte da história da construção civil. 

Mas qual a realidade atual quando o assunto é modernização no canteiro de obras? 

De acordo com a pesquisa “Transformação Digital: O Futuro da Construção Conectada” realizada pela IDC com 835 profissionais de grandes construtoras em 12 países, incluindo o Brasil, 72% das grandes companhias da construção civil veem a inovação como prioridade.  

Ainda segundo o estudo, 58% das empresas ainda estão no estágio inicial da transformação digital; 28% estão passando por esse processo; e 13% são consideradas maduras em relação à adoção de novas tecnologias.

Por isso, o cenário é bastante promissor, tendo em vista que as empresas do setor estão, cada vez mais, entendendo a importância da tecnologia. 

Mas como inovar numa área tão tradicional? O que há de novo no canteiro de obras? É sobre isso que iremos tratar no blog post de hoje. Acompanhe!

Mais sobre o cenário atual e seus desafios 

Como falamos acima, o setor de construção civil tem se modernizado aos poucos e vem compreendendo a importância da adoção de novas tecnologias.

Esse processo, por sua vez, ficou ainda mais intenso em 2020 com a crise de coronavírus. 

Com o distanciamento social e todas as medidas de segurança a serem tomadas, o canteiro de obras teve que se transformar digitalmente. 

Segundo Pedro Soethe, porta-voz da Autodesk Brasil, a mudança para o digital é necessária e foi impulsionada pelo momento que estamos vivendo. 

“Diante do atual cenário mundial, diferentes setores estão adotando processos digitais e se adaptando à essa transição imposta pelas condições do momento. […] Na construção civil não é diferente, seu uso se faz emergente para aprimorar análises de projetos, tomadas de decisão e o desempenho do segmento como um todo”, afirma.

Mas quais os desafios a serem superados? De acordo com o levantamento supracitado da IDC, a implantação de novas tecnologias no canteiro de obras tem alguns bloqueios digitais:

– Criação de um plano único e estratégico para priorizar a implementação dos investimentos tecnológicos (46%);

– Construção de uma arquitetura tecnológica que permita o trabalho em escala (42%); 

– Estabelecimento de KPIs e métricas para medir o sucesso digital (37%);

– Exploração da expertise em tecnologia (36%);

– Incorporação de fluxos de trabalho digitais em toda a empresa (29%).

Assim, como afirma Daniel-Zoe Jimenez, AVP e Head de Transformação Digital da IDC: “Embora muitas organizações em todo o mundo já estejam adotando a construção digital e trazendo inovações para seus negócios, o setor ainda não incorporou totalmente os benefícios da digitalização devido aos desafios particulares que enfrenta em comparação com outras indústrias”. 

Logo, é preciso eliminar os entraves para ajudar as organizações a alcançarem um alto nível de maturidade digital, de forma que os benefícios da transformação digital sejam sentidos na prática.

Então, qual o caminho para modernizar o canteiro de obras?

Tendo em vista esse cenário, você pode estar se perguntando: quais tecnologias ou metodologias se aplicam ao setor? É o que veremos a seguir. 

Planejamento de obra com a tecnologia BIM 

BIM, ou Building Information Modeling, é uma tecnologia que faz a modelagem de informações da construção, possibilita a criação de modelos 3D e busca a integração e o compartilhamento de informações do ciclo de vida de um projeto. 

Além do modelo 3D, é possível realizar a inclusão de dados característicos sobre o empreendimento, seu funcionamento, estrutura e objetivos da construção. 

O BIM também ajuda na integração de equipes e dá uma perfeita noção do projeto antes da execução, garantindo que o cliente tenha expectativas realistas quanto a obra e que a sua equipe possa realizá-la com mais facilidade.   

Logo, essa tecnologia ajuda – e muito – no planejamento da obra, de forma que você consiga otimizar tempo e recurso no momento da execução do projeto. 

– Para saber exatamente como essa tecnologia funciona e pode ajudar no canteiro de obras, é só clicar aqui. 

Digitalização de processos com software de gestão

Você sabia que, de acordo com a Boston Consulting Group, a adoção de tecnologias pode fazer o segmento de construção civil economizar US $1,2 trilhão nas fases de projeto e US $500 bilhões na fase de operações?

Surpreendente, não é? É justamente esse nível de otimização que a tecnologia pode trazer. 

Quando falamos na fase operacional, muitas ferramentas podem ser utilizadas para reduzir custos e melhorar a qualidade do trabalho, além de aumentar a produtividade. 

Alguns documentos importantes, como a Análise Preliminar de Risco, Diário de Obra, Plano de Manutenção e tantos outros que são essenciais para o setor, podem ser facilmente digitalizados. 

Dessa maneira, a gestão não precisa mais lidar com o papel e os colaboradores podem realizar as atividades com mais segurança e eficiência

Mas como tornar isso possível? Quando se conta com um software de gestão de equipes e tarefas, como é o caso do Videnci, você pode digitalizar todos os processos envolvidos no canteiro de obras. 

Ou seja, por meio de formulários e checklists digitais, é possível descartar o uso do papel, controlar o andamento da obra, monitorar a produtividade dos profissionais de campo e obter relatórios completos para sua gestão.

– Confira em mais detalhes as vantagens em utilizar um checklist digital acessando aqui.   

Como a pesquisa da IDC reforçou, o setor de construção civil tem dificuldade em estabelecer KPIs e métricas relevantes. Com um sistema de gestão, esse processo torna-se mais simples, visto que você tem à disposição relatórios completos. 

Entendeu melhor como a tecnologia pode otimizar a rotina no canteiro de obras?

No post de hoje, mostramos quais os desafios e como o setor de construção civil pode utilizar a tecnologia para melhorar seus processos. 

Dessa forma, com ferramentas de planejamento e execução, toda e execução é facilitada, havendo, inclusive, redução de custos e aumento da produtividade. 

Nesse sentido, para saber mais com um software de gestão pode ajudar no controle e gestão da sua obra, clique aqui e confira nosso material exclusivo. 

Espero que esse conteúdo tenha ajudado. Obrigada por acompanhar!